Peça agora (85) 3231-0707 | (85) 3252-1103

5 dicas para quem é motociclista iniciante!

10 de agosto de 2020

Comprar a primeira moto e tirar a carteira de habilitação na categoria é um sonho para muitos, afinal, as motos são veículos super práticos e uma boa opção para quem busca rapidez, mobilidade e eficiência ao longo do dia. Para tirar a carteira, são horas de aulas práticas e teóricas na autoescola para se ter uma boa base para começar. Quanto mais se pratica, mais se aprende a dominar as particularidades do veículo de forma segura e intuitiva. Então, se você está começando a pilotar uma moto agora e quer saber como ter mais segurança nas ruas, se liga nas dicas a seguir:  

  • Use os equipamentos de segurança:  
Por lei, é obrigatório o uso de capacete. E não é por menos! Esse é o equipamento que mais salva vidas durante acidentes. Luvas, jaquetas e calças também são bons para começar a ter segurança, porém, eles precisam ser leves e confortáveis, se não, podem acabar atrapalhando mais do que ajudando.   
  • Postura correta:  
Se você estiver muito nervoso, sua posição pode ficar um pouco rígida e acabar atrapalhando o seu desempenho na hora de pilotar. O ideal é você não ficar muito rígido, mas também não relaxar o corpo por completo, tentando manter um equilíbrio com a moto. Ter em mente que você e a moto devem formar uma só peça fará toda a diferença, por exemplo, em uma curva acentuada ou nas mudanças de direção. Uma boa dica para você conseguir ficar nesse meio-termo, é pressionar os joelhos levemente no tanque e segurar o guidão com firmeza.    
  • Saiba usar os freios:  
Na maioria das vezes, as autoescolas ensinam que o freio traseiro é que manda nas frenagens. Porém, na prática, é o freio dianteiro que vai te ajudar a parar com mais rapidez. Por isso, é importante tirar um pouco do seu tempo para treinar. Procure uma rua tranquila ou um estacionamento vazio onde você possa treinar as frenagens em baixa velocidade, procurando o equilíbrio ideal durante o processo.    
  • Aprenda a estacionar:  
Mais uma dica onde o meio-termo é fundamental. É preciso prestar atenção se a via onde você vai estacionar é muito inclinada ou não. Se você estacionar sua moto em um local íngreme com a roda dianteira imbicada no meio fio, empurrá-la para trás será quase impossível. Então, não faça isso! O cavalete lateral precisa deixar a moto em um ângulo estável, ou seja, nem muito em pé, nem muito deitada. Isso acontece porque, se a moto ficar muito em pé, qualquer contratempo poderá derrubá-la facilmente e, se ela ficar muito deitada, será difícil colocá-la em ponto de partida. Uma dica para essa situação, é deixar a primeira marcha engatada, funcionando como freio.   
  • Não se esqueça de sinalizar:  
Usar o pisca é fundamental não só para sua segurança, mas para a segurança dos demais motoristas e pedestres. Buzinar enquanto atravessa o corredor de carros pode até funcionar, mas não é o ideal! Por isso, use o pisca para tudo: mudar de faixa, entrar em outra rua ou estacionar, por exemplo.    Todo cuidado na hora de pilotar é pouco! E, como todos sabem: a pressa é inimiga da perfeição! Por isso, tenha cuidado ao dirigir e sempre fique atento à pista. Logo, logo, você estará pilotando a moto de forma automática, e todas essas dicas virão de forma natural. O segredo é a prática! Então, aproveite essas dicas e faça com que esse momento seja mais de liberdade do que de preocupação!

Faça seu pedido